24 março, 2008




Incrível como o mesmo autor de tragédias tão densas tenha sido capaz de escrever comédias divertidíssimas. E Shakespeare usava basicamente os mesmos motes pra fazer rir e/ou chorar, ou seja: traições, ganância, brigas pelo poder etc.

É o caso de Cymbeline, encenada em Sampa pela companhia inglesa Kneehigh Theatre. Lovely! A diretora Emma Rice removeu as velhas vestes de um texto escrito no século 14, e deu a Cymbeline uma roupagem ao mesmo tempo apropriada, atual e leve.

Embora os atores sejam inegavelmente talentosos, a banda que divide o palco com o elenco é responsável por no mí-ni-mo 60 por cento do sucesso do espetáculo. Há um vídeo disponível na internet, com cenas da peça embaladas pelos músicos da Kneehigh Theatre.


 
Por Sônia Guimarães às 11:23    


2 Comments:


At 01 abril, 2008, Blogger Barbara

Querida, fiquei muito frustrada por não ter visto esse espetáculo, me falaram suuper bem dele. Nessas horas é que lamento estar longe... bejos

 

At 02 abril, 2008, Blogger Sônia G.

Em compensação, querida, você está em Floripa... A gente podia trocar de lugar - de tempos em tempos, né? heheheh... Bj!