02 agosto, 2006
Faz 'apenas' vinte anos que assisti pela primeira vez a uma apresentação da David Parsons Dance Company. Na época era o que havia de mais arrojado em dança contemporânea.



É daquele tempo a coreografia que considero a obra-prima de David Parsons, "Caught". Absurdamente simples e ao mesmo tempo extremamente engenhosa.


Só, num palco completamente às escuras e vestindo branco, Parsons dançava com um controle remoto na mão. Por esse controle ele acionava um flash, no instante exato em que saltava. A impressão é de que o cara tá voando... Em algums momentos era como se estivesse caminhando a 1 metro do chão. Ma-ra-vi-lho-sa.

Duas décadas se passaram e até hoje David Parsons não conseguiu superar a si próprio. Apesar de continuar criando ótimas coreografias, nada do que ele fez - antes nem depois - se compara a "Caught".

Hoje em dia não é mais David Parsons quem executa a coreografia. O tempo pode ter comprometido o desempenho do criador mas preservou todo o frescor da criatura. A mim, pelo menos, causou praticamente o mesmo impacto de vinte anos atrás.

O sujeito da foto maior é o David Parsons.


 
Por Sônia Guimarães às 22:18    


4 Comments:


At 02 agosto, 2006, Blogger Kelly®

qu salto é esse, heim?!

 

At 03 agosto, 2006, Blogger Sônia G.

louco, né?

 

At 13 agosto, 2006, Anonymous ederson

quando eu crescer quero ter um blogo como o seu...
tá lindo.
Sou seu fã...

 

At 20 agosto, 2006, Blogger Sônia G.

brigada, ederson!